Local

Agente da PSP morre após despiste de moto

André Filipe Santos tinha 30 anos e deixa mulher e um bebé de dois anos. Acidente ocorreu na madrugada de sábado no Eixo Norte-Sul, em Lisboa.

O agente da PSP, André Filipe Santos, conduzia a sua moto pessoal e estaria acompanhado por um colega, que também conduzia uma moto quando, pelas 01:55 da madrugada de sábado, se despistou junto à saída para a Alta de Lisboa, na viagem de regresso a casa, na zona do Seixal.

O despiste da mota ocorreu por razões ainda por apurar, sabendo-se apenas que o polícia perdeu o controlo do veículo e acabou por cair na faixa de rodagem. O corpo da vítima bateu num rail lateral da estrada com grande violência.

O colega de André Santos alertou de imediato a PSP e os bombeiros sapadores, tendo o trânsito ficado provisoriamente cortado. Ainda foi prestada assistência, mas a morte acabou por ser confirmada no local.

O corpo foi transportado para o Instituto de Medicina Legal de Lisboa, onde será alvo de autópsia. A investigação do despiste está ao encargo da Divisão de Trânsito da PSP.

André Filipe Santes trabalhava na patrulha, após ter passado um período no programa ‘Escola Segura’.


Patrocinado

Apps PT Jornal

Descarregar na App StoreDescarregar do Google Play

Newsletters PT Jornal

Selecione as newsletters

Mais partilhadas da semana

Subir