Hoje é dia

8 de março, assinala-se o Dia Internacional da Mulher

O Dia Internacional da Mulher é celebrado hoje, dia 8 de março. Esta homenagem às mulheres assinala também um dado histórico: as manifestações das mulheres russas por melhores condições de vida e trabalho, na I Guerra Mundial.

A efeméride assinala diversos factos históricos: o protesto de operárias têxteis nova-iorquinas por melhores condições de trabalho e as manifestações das mulheres russas por melhores condições de vida e trabalho, na I Guerra Mundial.

Neste dia 8 de março, em 1857, um enorme grupo de operárias têxteis de uma fábrica de Nova Iorque deu início a uma greve, acompanhada de uma ocupação da fábrica. O objetivo desta luta era a reivindicação de uma redução do horário laboral (cerca de 16 horas por dia).

As mulheres defendiam 10 horas laborais de trabalho, bem como uma avaliação do seu salário, que representava um terço do salário pago aos homens. As operárias, cerca de 130, foram encerradas na fábrica e morreram queimadas.

Esta é a génese do Dia Internacional da Mulher, que foi instituído em 1910, aquando de uma conferência internacional de mulheres, que ocorreu na Dinamarca. No entanto, só mais tarde o dia foi celebrado.

E as mulheres são o centro de diversos factos históricos que se assinalam neste dia. Em 1702, de forma inesperada, Ana Stuart, a irmã de Maria II, torna-se Rainha da Inglaterra, Escócia e Irlanda, após a morte de Guilherme III.

Já em 1884, perante os membros do Comité de Justiça da Câmara dos Representantes dos EUA, Susan Anthony solicita que seja feita uma emenda à Constituição, que garanta às mulheres o direito ao voto.

A 8 de março de 1910, Raymonde de Laroche torna-se a primeira mulher a fazer um voo sozinha. Em 1911, dá-se o primeiro protesto em defesa do voto feminino.

Já em 1971, durante a Revolução Russa, diversos protestos e greves são desencadeados por mulheres, em São Petersburgo, a marcar o início da Revolução de fevereiro.

No ano de 1975, a 8 de março, assinala-se pela primeira vez o Dia Internacional da Mulher.

E neste mesmo dia, em 2000, os Correios do Brasil lançam um selo que presta uma homenagem a três mulheres pioneiras da aviação do país: Anésia Pinheiro Machado, Tereza de Marzo, Ada Rogato.

Também a 8 de março, Afonso VII de Leão e Castela é proclamado rei, depois da morte de sua mãe Urraca (1126).

O vulcão Etna, ainda hoje ativo em Itália, mata mais de vinte mil pessoas e destrói a cidade de Catânia (1669).

E é fundada a Bolsa de Valores de Nova Iorque (1817). Em 1950, a União Soviética anuncia a sua bomba atómica.

Nasceram neste dia Beatriz de Molina e Castela, Rainha de Portugal (1293), António José de Ávila, político português (1807), João de Deus, poeta português (1830), João Carlos de Brito Capelo, militar português (1831), Tonicha, cantora portuguesa (1946) e Fátima Lopes, estilista portuguesa (1965).

Morreram a 8 de março Urraca I de Leão e Castela (1126), Francesco Sforza, duque de Milão (1466), Hector Berlioz, compositor francês (1869) e Sherwood Anderson, autor norte-americano (1941).

Mais partilhadas da semana

Subir