Hoje é dia

6 de maio, nasce Sigmund Freud, o pai da Psicanálise

Sigmund Freud nasceu em Freiberg, na Áustria, a 6 de maio de 1856. Foi um médico neurologista fundador da Psicanálise, tratamento que conquistou um espaço de relevo na psicologia e na psiquiatria. Também neste dia, data da inauguração da Torre Eiffel, nasceram Árpád Szenes, Orson Welles e Tony Blair.

Freud desenvolveu teorias que se centram no papel da mente, o inconsciente humano, e o modo como estes influenciam e determinam as ações do Homem. Através da hipnose, conseguiu tratar doentes com histeria, o que lhe permitiu sustentar a teoria de que aquela doença era psicológica e não física.

Publicou ‘Estudos Sobre a Histeria’ em 1895, criando a base para outros conceitos sobre os quais se dedicou, como o inconsciente humano. Freud teorizou também sobre mecanismos de defesa e repressão psicológica.

Mais tarde, abandonou o estudo da histeria e centrou-se na interpretação de sonhos como fontes dos desejos do inconsciente. O seu trabalho passa pela área sexual, ao defender que a repressão sexual na infância gera neuroses na fase adulta.

Apesar da polémica na Viena do século XIX, Sigmund Freud quebrou tabus da sexualidade no tratamento psiquiátrico e conseguiu compreender os comportamentos antissociais. A Psicanálise tornou-se o seu grande tratamento, que consistia num diálogo entre o paciente e psicanalista.

Publicou diversas obras, das quais se destacam ‘Interpretação dos Sonhos’ (1899), ‘Três Ensaios sobre a Teoria da Sexualidade’ (1905), ‘O Inconsciente’ (1915), ‘Introdução à Psicanálise’ (1916-1917), ‘Psicologia das Massas e Análise do Ego’ (1923), ‘Psicanálise e Teoria da Libido’ (1923), ‘Neurose e Psicose’ (1924).

Freud morreu em 1939, em Londres, mas os seus estudos e teorias permaneceram como um pilar da discussão do tema da psiquiatria. Hoje, assinala-se a data do nascimento do neurologista.

No dia 6 de maio recordam-se outras efemérides. Em 1840, Inglaterra realiza e primeira emissão de selos postais do mundo. Já em 1889, a Torre Eiffel é oficialmente aberta ao público durante, na Exposição Universal em Paris. Em 1994, é inaugurado o túnel do Canal da Mancha.

Nasceram neste dia o Papa Marcelo II (1501), o Papa Inocêncio X (1574). Charles Batteux, filósofo francês (1713), Sigmund Freud, psiquiatra austríaco (1856), Rabindranath Tagore, escritor indiano (1861), e Nikolay Romanov, czar da Rússia (1868).

Nasceram ainda Árpád Szenes, pintor, ilustrador e professor húngaro, naturalizado francês (1897), André Weil, matemático francês (1906), Orson Welles, realizador e ator norte-americano (1915), Tony Blair, político britânico (1953), e George Clooney, ator norte-americano (1961).

Morreram a 6 de maio Henry David Thoreau, escritor e filósofo norte-americano (1862), rei Eduardo VII do Reino Unido (1910), B. C. Forbes, jornalista financeiro (1954), Marlene Dietrich, atriz alemã (1992), e Maria Pia de Saxe-Coburgo e Bragança, escritora e pretendente ao trono português (1995).

Mais partilhadas da semana

Subir