Hoje é dia

28 de abril, dia em que se cruzam estadistas e ditadores

Antonio_Oliveira_Salazar_900A 28 de abril, nascem António de Oliveira Salazar (1889) e Saddam Hussein (1937) e morre Mussolini (1945). Também neste dia, Hitler casa com Eva Braun. Hoje, recordam-se ditadores e estadistas da opressão, mas, sobretudo, as vítimas de regimes totalitários. Recorda-se também Schindler, que salvou cerca de 1200 judeus do Holocausto.

Uma coincidência histórica associa 28 de abril a políticos e estadistas, que em diferentes países do mundo impuseram e lideraram regimes totalitários.

E esta viagem começa a 28 de abril de 1889, com o nascimento de António de Oliveira Salazar, político nacionalista português e professor catedrático da Universidade de Coimbra.

Criador do Estado Novo (1933-1974), de propaganda e repressão, Salazar defendia um sistema político que garantisse o domínio das massas, com a PIDE e a Legião Portuguesa a combater os opositores.

“Dêmos à nação otimismo, alegria, coragem, fé nos seus destinos; retemperemos a sua alma forte ao calor dos grandes ideais e tomemos como nosso lema esta certeza inabalável: Portugal pode ser, se nós quisermos, uma grande e próspera nação”, escreveu.

Salazar foi afastado do Governo em 27 de setembro de 1968, quando o Presidente da República, Américo Tomás, chamou Marcelo Caetano para o substituir. Seis anos mais tarde, uma revolta militar termina com a conquista da Democracia.

Antes, nasce Saddam Hussein, que liderou a repressão no Iraque, com um regime que culminou na sua própria morte, em Bagdad, a 30 de dezembro de 2006, capturado pelas tropas dos EUA.

Também a 28 de abril, morre Benito Mussolini, político italiano que liderou o Partido Nacional Fascista e um dos grandes criadores do Fascismo. A sua ideologia contava com elementos nacionalistas, sindicalistas e anticomunistas, num regime de censura e propaganda do Estado.

No mesmo dia e no mesmo ano (28 de abril de 1945) em que Mussolini é morto, Adolf Hitler casa-se com Eva Braun, num bunker em Berlim.

Mas se os ditadores se erguem das memórias neste dia, há um nome que merece destaque histórico. Oskar Schindler nasce a 28 de abril de 1908.

O alemão Schindler torna-se personalidade da História mundial por salvar cerca de 1200 trabalhadores judeus do Holocausto, durante a II Guerra Mundial.

Outros factos históricos ocorreram neste dia. Em 1902, nasce o Manchester United, histórico clube inglês. Em 1969, Charles de Gaulle renuncia à presidência da França e em 2001 Dennis Tito torna-se o primeiro turista espacial, a bordo da nave russa Soyuz TM-32.

Nasceram neste dia o Rei Eduardo IV de Inglaterra (1442), Teodósio II, Duque de Bragança (1568), James Monroe, quinto presidente dos EUA (1758), José Malhoa, pintor português (1855), António de Oliveira Salazar, político e estadista português (1889), Oskar Schindler, empresário alemão (1908), Ferruccio Lamborghini, industrial italiano e fundador da Lamborghini (1916), Saddam Hussein, político e estadista iraquiano (1937), e Russell Alan Hulse, físico norte-americano, Nobel de Física em 1993 (1950).

Morreram a 28 de abril Bernardino Machado, presidente português (1944), Benito Mussolini, jornalista e político italiano, fundador do fascismo (1945), Léon Jouhaux, Nobel da Paz (1954), e Ruth Handler, criadora da boneca Barbie (2002).

Hoje, assinala-se o Dia Mundial da Segurança e da Saúde no Trabalho, criado pela Organização Internacional do Trabalho.

Quer receber o Hoje é Dia todos os dias na sua caixa de correio?


Patrocinado

Newsletters PT Jornal

Selecione as newsletters

Mais partilhadas da semana

Subir