Hoje é dia

17 de abril, as mulheres sobem ao poder pela primeira vez

Dezassete de abril é dia de emancipação das mulheres na política. Neste dia, em 1916, nasce Sirimavo Bandaranaike, a primeira mulher em todo o mundo a ser eleita primeira-ministra. Curiosamente, também a 17 de abril, Anneli Jäätteenmäki vence as eleições da Finlândia e torna-se chefe do Governo, algo que nunca sucedera naquele país.

Hoje é dia de recordar Sirimavo Bandaranaike, primeira-ministra do Sri Lanka, em três períodos distintos: entre 1960 e 1965, entre 1970 e 1977 e de 1994 a 2000. Bandaranaike, que nasceu a 17 de abril de 1916 (assinala-se hoje a data do seu aniversário), foi a primeira mulher em todo o mundo a ocupar o cargo de primeiro-ministro. Viria a morrer em Balangoda, a 10 de outubro de 2000.

Esta eleição marca uma viragem no mundo da política e na participação feminina em cargos políticos de relevância. Poucos anos mais tarde, Indira Gandhi viria a chefiar o Governo da Índia, entre 1966 e 1977.

E durante o mandato de Indira Gandhi, Evita Perón quebra o poder masculino e torna-se na primeira mulher a ocupar a presidência da República Argentina, exercendo o cargo entre 1 de julho de 1974 e 24 de março de 1976.

Outra mulher com marca profunda na liderança política foi Margaret Thatcher, primeira-ministra britânica entre 1979 e 1990, que faleceu no dia 8 de abril de 2013.

Antes, a 17 de abril de 2003, Anneli Jäätteenmäki torna-se a primeira mulher eleita líder do Governo da Finlândia. A chanceler alemã Angela Merkel é o símbolo atual da liderança feminina.

Neste dia, assinalam-se outras efemérides. Em 1521, Martinho Lutero é excomungado da Igreja Católica, por tecer críticas ao Papa.

Três anos mais tarde, Giovanni da Verrazano descobre a baía de Nova Iorque. Já a 17 de abril de 1946, a Síria obtém independência.

Nasceram a 17 de abril Joana I, Rainha de França (1271), J. P. Morgan, banqueiro norte-americano (1837), Maurice Rouvier, estadista francês (1842), Benjamin Tucker, filósofo norte-americano (1854), Ernest Starling, fisiologista britânico (1866), Karen Blixen, escritora dinamarquesa (1885), e Sirimavo Bandaranaike, primeira mulher do mundo a ser primeira-ministra (1916).

Morreram neste dia Proclus, filósofo grego (485), Bernhard I, Rei da Itália (818), Papa Bento III (858), Joachim Kammermeister, humanista e poeta alemão (1574), Sor Juana Inés de la Cruz, poetisa e escritora mexicana (1695), e Jozef I, imperador da Alemanha (1711).

Morreram ainda Benjamin Franklin, político, inventor e diplomata norte-americano (1790), Édouard, Visconde de Walckiers, banqueiro e comerciante de escravos holandês (1837), Jean-Jacques Gailliard, pintor belga (1976), e Linda McCartney, fotógrafa, cantora e ativista americana, esposa de Paul McCartney (1998).

Hoje, assinalam-se o Dia Mundial do Hemofílico, o Dia Internacional da Luta Camponesa, o Dia da Cidadania Americana e o Dia Nacional da Síria.

Quer receber o Hoje é Dia todos os dias na sua caixa de correio?


Patrocinado

Apps PT Jornal

Descarregar na App StoreDescarregar do Google Play

Newsletters PT Jornal

Selecione as newsletters

Mais partilhadas da semana

Subir