Hoje é dia

17 de abril, as mulheres sobem ao poder pela primeira vez

Dezassete de abril é dia de emancipação das mulheres na política. Neste dia, em 1916, nasce Sirimavo Bandaranaike, a primeira mulher em todo o mundo a ser eleita primeira-ministra. Curiosamente, também a 17 de abril, Anneli Jäätteenmäki vence as eleições da Finlândia e torna-se chefe do Governo, algo que nunca sucedera naquele país.

Hoje é dia de recordar Sirimavo Bandaranaike, primeira-ministra do Sri Lanka, em três períodos distintos: entre 1960 e 1965, entre 1970 e 1977 e de 1994 a 2000. Bandaranaike, que nasceu a 17 de abril de 1916 (assinala-se hoje a data do seu aniversário), foi a primeira mulher em todo o mundo a ocupar o cargo de primeiro-ministro. Viria a morrer em Balangoda, a 10 de outubro de 2000.

Esta eleição marca uma viragem no mundo da política e na participação feminina em cargos políticos de relevância. Poucos anos mais tarde, Indira Gandhi viria a chefiar o Governo da Índia, entre 1966 e 1977.

E durante o mandato de Indira Gandhi, Evita Perón quebra o poder masculino e torna-se na primeira mulher a ocupar a presidência da República Argentina, exercendo o cargo entre 1 de julho de 1974 e 24 de março de 1976.

Outra mulher com marca profunda na liderança política foi Margaret Thatcher, primeira-ministra britânica entre 1979 e 1990, que faleceu no dia 8 de abril de 2013.

Antes, a 17 de abril de 2003, Anneli Jäätteenmäki torna-se a primeira mulher eleita líder do Governo da Finlândia. A chanceler alemã Angela Merkel é o símbolo atual da liderança feminina.

Neste dia, assinalam-se outras efemérides. Em 1521, Martinho Lutero é excomungado da Igreja Católica, por tecer críticas ao Papa.

Três anos mais tarde, Giovanni da Verrazano descobre a baía de Nova Iorque. Já a 17 de abril de 1946, a Síria obtém independência.

Nasceram a 17 de abril Joana I, Rainha de França (1271), J. P. Morgan, banqueiro norte-americano (1837), Maurice Rouvier, estadista francês (1842), Benjamin Tucker, filósofo norte-americano (1854), Ernest Starling, fisiologista britânico (1866), Karen Blixen, escritora dinamarquesa (1885), e Sirimavo Bandaranaike, primeira mulher do mundo a ser primeira-ministra (1916).

Morreram neste dia Proclus, filósofo grego (485), Bernhard I, Rei da Itália (818), Papa Bento III (858), Joachim Kammermeister, humanista e poeta alemão (1574), Sor Juana Inés de la Cruz, poetisa e escritora mexicana (1695), e Jozef I, imperador da Alemanha (1711).

Morreram ainda Benjamin Franklin, político, inventor e diplomata norte-americano (1790), Édouard, Visconde de Walckiers, banqueiro e comerciante de escravos holandês (1837), Jean-Jacques Gailliard, pintor belga (1976), e Linda McCartney, fotógrafa, cantora e ativista americana, esposa de Paul McCartney (1998).

Hoje, assinalam-se o Dia Mundial do Hemofílico, o Dia Internacional da Luta Camponesa, o Dia da Cidadania Americana e o Dia Nacional da Síria.

Quer receber o Hoje é Dia todos os dias na sua caixa de correio?


Vídeos em Destaque

Patrocinado

Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir
error: