Hoje é dia

12 de novembro, assinala-se o Dia Mundial da Pneumonia

A 12 de novembro, celebra-se o Dia Mundial da Pneumonia, efeméride que serve de alerta para uma realidade cruel: esta doença mata três milhões de pessoas por ano, entre as quais 476 mil crianças, segundo dados da OMS.

Hoje é o Dia Mundial da Pneumonia,  que se assinala com o objetivo de relembrar pais, familiares e educadores de que a vacinação é a principal forma de prevenir a doença pneumocócica.

De acordo com os dados do Centro Europeu de Prevenção e Controlo de Doenças, a doença é responsável por cerca de três milhões de mortes por ano em todo o mundo, sendo que 476 mil mortes são crianças com idade inferior a 5 anos, segundo a Organização Mundial de Saúde

A doença pneumocócica é complexa e tem múltiplas formas, incluindo pneumonia, meningite, otite média aguda e bactériemia.

Uma das principais doenças provocadas por esta bactéria é a pneumonia, cujas manifestações clínicas e a gravidade variam conforme a idade e o agente causador.

A principal forma de prevenir esta doença é a vacinação das crianças até aos 5 anos de idade.

É fundamental cumprir o esquema completo de vacinação, que consiste em quatro doses, administradas nos primeiros 15 meses de vida.

Às crianças com idades compreendidas entre 2 e 5 anos, que não tenham sido imunizadas com esta vacina, poderá ser administrada uma dose para conferir proteção contra os serotipos incluídos na mesma.

A prevenção da doença pneumocócica (que engloba a pneumonia) é fundamental, uma vez que, para além de ser potencialmente grave, pode ser contagiosa, através de tosse ou espirros, colocando em risco os doentes e todos os que possam estar em contacto com quem tem a doença.

Neste Dia Mundial da Pneumonia, é lançado um alerta para uma doença que mata.

Nasceram neste dia Grace Kelly, atriz norte-americana e princesa de Mónaco (1929), Neil Young, cantor canadiano (1945), Cândida Branca Flor, cantora portuguesa (1949), Francisco Louçã, político português (1956), e Reynaldo Gianecchini, ator brasileiro (1972).

Morreram neste dia o Rei Canuto, o Grande da Dinamarca, Inglaterra e Noruega (1035), Juan Negrín, primeiro-ministro da Espanha (1956), Paul Hermann Müller, médico alemão, vencedor do Nobel da Medicina (1965), e Ira Levin, escritor, dramaturgo e autor norte-americano (2007).

Quer receber o Hoje é Dia todos os dias na sua caixa de correio?


Patrocinado

Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir