Nacional

Vídeo: Bruno Nogueira arrasa Judite de Sousa no Mata-Bicho

No ‘Mata Bicho’, emitido nesta segunda-feira Antena 1 e na Antena 3, Bruno Nogueira critica Judite de Sousa, arrasando a jornalista, pela forma como recorda o genocídio do Ruanda, no programa “Suite N.º 7”, emitido na TVI Ficção. O humorista adultera o nome para “suite estupidez”. Veja o vídeo.

O humorista Bruno Nogueira criticou a jornalista Judite de Sousa, convidada de um programa que a TVI Ficção estreou, com apresentação Iva Domingues, Sílvia Rizzo e Marta Aragão Pinto. Em causa, uma memória da jornalista, sobre o genocídio do Ruanda.

“Eu estive hospedada no Hotel Ruanda, um hotel de charme, reconstruído, de cinco estrelas, e foi uma sensação incrível e estar a dormir, a tomar o pequeno-almoço, junto à piscina, de um hotel que nove anos antes tinha sido palco das maiores atrocidades do século XX”, conta a jornalista.

 

Judite recorda o facto de ter “tropeçado todos os dias em milhares de mortos”, misturando essa recordação com o glamour de um hotel de cinco estrelas. Faz um relato de atrocidades, misturando o que Bruno Nogueira chama de “leviandade”, com “excitação”.

“É de mim ou há aqui demasiada excitação e uma leviandade a tratar a temática do genocídio? É como se o sofrimento da Judite em tropeçar nos mortos fosse mais importante do que a tragédia em si”.

Nesse programa, a que Bruno Nogueira chama “suite estupidez”, o humorista critica ainda outra memória de Judite, que diz  ter estado “no Paquistão a comer aquele carneiro (daquele que sabe a carneiro) com as mãos!”.

Esta conversa dá-se num ambiente informal, onde se misturam piadas com cenários dramáticos. Bruno Nogueira usou também o humor, mas para criticar, censurar, com sarcasmo, uma conversa que não merecia ser tratada com aquela leviandade.

Veja o vídeo:

Receba esta e outras notícias virais no seu e-mail todos os dias!


Vídeos em Destaque

Patrocinado

Newsletters PT Jornal

O que quer receber?

Mais partilhadas da semana

Subir
error: